Competências verdes

Competências verdes 2017-10-16T17:55:32+00:00

A expressão competências verdes para empregos verdes está a ganhar terreno e importância por todo o mundo. O Centro Europeu de Desenvolvimento e Formação Profissional define competências verdes como o “conhecimento, as capacidades, os valores e as atitudes necessárias para viver, desenvolver e suportar uma sociedade sustentável e eficiente no uso de recursos”.

A Comissão Europeia estima que, até 2020, se possam criar 20 milhões de postos de trabalho na economia verde, em áreas como fornecimento de energiareciclagemagriculturaconstrução civiltransportes e outros serviços que contribuam para a preservação ou restauração da qualidade ambiental. O “emprego verde” é a área de maior oferta de emprego até 2020.

É, portanto, necessário falar sobre economia verde, empregos verdes e competências verdes às novas gerações, diagnosticar as necessidades futuras de competências para uma economia verde e identificar e colmatar lacunas formativas nestas áreas. Todas as partes interessadas – governo, entidades públicas, empresas, outras organizações e sociedade civil – devem trabalhar em conjunto, no sentido de garantir uma educação mais ajustada às necessidades do mercado de trabalho, que contribua para diminuir os níveis de desemprego e para melhorar o desempenho profissional dos jovens licenciados ou com formação técnica.

Estas melhorias podem ser feitas nas escolas e na relação escolas-empresas, para assim garantir um ensino de qualidade e relevante para a vida laboral e capaz de promover o desenvolvimento sustentável das organizações. É necessário pôr as competências verdes ao serviço dos jovens e tornar possível a transição para a economia verde.

Grupo de trabalho competências verdes