BCSD desenvolve ilustração para exemplificar como podem os resíduos ser transformados em matérias-primas

BCSD desenvolve ilustração para exemplificar como podem os resíduos ser transformados em matérias-primas

Data da publicação: 07/03/2018

A par com o estudo “Sinergias Circulares: Desafios para Portugal”, o BCSD lança uma ilustração que exemplifica como os resíduos urbanos e setoriais, que são atualmente eliminados em aterro, poderiam ser reincorporados pela economia local de forma organizada. A ilustração é uma das formas que o BCSD encontrou para tornar visual as simbioses industriais, conceito que subentende a colaboração entre empresas de vários setores, com o objetivo de gerar vantagens competitivas para os intervenientes através da troca de resíduos, água e energia. As simbioses industriais permitem que em vez de eliminados em aterro, os resíduos sejam utilizados como matérias-primas. 

A ilustração está disponível para download no site do BCSD, na versão portuguesa e inglesa, e pretende simplificar o conceito de simbioses industriais e todos os tecnicismos por detrás dele. É direcionada às empresas, para que percebam como podem organizar o destino dos seus resíduos e para os cidadãos, passando a mensagem de que a adequada separação de resíduos em casa e na escola pode melhorar o bem-estar de todos.

A ilustração retrata uma região imaginária de um qualquer país, onde os resíduos urbanos e setoriais são utilizados pela economia local de forma organizada e harmoniosa. A ilustração apresenta uma cidade, os seus jardins, uma zona agrícola e um parque industrial. Nesta região os cidadãos separam os resíduos adequadamente, sabendo que contribuem para a melhoria dos jardins e para a qualidade dos produtos agroalimentares. As empresas compram e vendem resíduos entre si, num ciclo fechado de produção industrial. Cinzas, lamas, vapor, calor ou gás são exemplos de transações realizadas entre empresas. Os serviços de gestão de água, energia e resíduos são partilhados entre empresas. Este é o conceito de simbiose industrial. A ilustração apresentada é apenas um ponto de partida daquilo que poderia ser feito em várias regiões do mundo. A ilustração é da autoria de Mariana Malhão.

Mariana Malhão é natural de Coimbra mas reside no Porto. O foco do seu trabalho é o desenho e produção de objetos 3D, tentando criar um paralelismo entre eles. Mariana representa um universo colorido e um imaginário para crianças, jovens e adultos. Atualmente coorganiza, com Dylan Silva, a feira de artes diversas “Sábado-Feira” no Maus Hábitos no Porto. Alguns dos seus trabalhos estão expostos e são comercializados na “Ó! Galeria” e “Duas de Letra”, no Porto, e na livraria infantil “It’s a Book” em Lisboa. Mariana é licenciada em Design de Comunicação pela Faculdade de Belas Artes da Universidade Porto.

Ilustração 1 | Ilustração 2 (com legenda) | Ilustração 3 | Ilustração (versão em inglês)

(+ info sobre o estudo)

 

2018-03-07T11:15:13+00:00